55 3332-4425 janilton2000@gmail.com

Todos estamos sujeitos a criticas e avaliações precipitadas. O que diferencia de pessoa para pessoa e a maneira como se reage a elas. Nestes momentos é fundamental ter uma estrutura de gestão das criticas e avaliações.

Abraham Lincoln foi o mais amado presidente dos Estados Unidos e também foi o mais criticado. É possível que nenhum outro político da história norte-americana tenha ouvido tanta coisa ruim a seu respeito.Ele que chegou a ser conhecido como senhor derrotas, pelas sucessivas derrotas que sofreu em sua vida, mesmo com a sua surpreendente vitória, era alvo de desconfiança.

O jornal Chicago Times, em 1865, avaliou no dia seguinte, o discurso de Lincoln em SUA posse como novo presidente americano: “A face de todos os americanos deve formigar de vergonha ao ler as declarações tolas, rasas e sem sentido de um homem apresentado a estrangeiros inteligentes como presidente dos Estados Unidos”.

Mas ele ensinou duas atitudes para um bom gestor de criticas:

Dê tempo ao tempo. Se você sabe que a sua ação ou decisão era a coisa certa a fazer, fique firme. O tempo provará. Assim como o tempo provou que todos estavam errados sobre Lincoln. Conforme as coisas vão acontecendo, o motivo da crítica é eliminado.

Saiba Quem está criticando: é alguém cujo caráter você respeita? Essa pessoa é crítica o tempo todo? Isso representa um padrão? Se a resposta for positiva, não valorize demais o que ela diz. Talvez seja uma forma de chamar a atenção. As críticas de uma pessoa positiva, por sua vez, provavelmente merecem ser ouvidas.

As criticas e avaliações são livres a nosso respeito, a nossa reação a elas é que determinará o que se fará quando elas inevitavelmente ocorrem. Já disse o grande pensador Tácito: “Quem se enfada pelas críticas, reconhece que as tenha merecido.” Tenha uma atitude de paciência e de sabedoria ao avaliar as criticas, tirando sempre o melhor delas e ACORDA PARA A VIDA.